Alessandro Guimarães – Oracle Blog

August 28, 2010

Data Guard | Papers

Filed under: banco de dados — Tags: , , , , , — agleite @ 3:24 pm

Se fizeres um search por “Data Guard”  no google, a pesquisa retornara com um numero bastante razoavel de pessoas que ja configuraram/implementaram esta feature de alta disponibilidade do Oracle. Durante configuração de um Data Guard com Maximum Availability em um cliente, alguns sites (pouquissimos na verdade) foram de alguma ajuda. A maioria dos blogs/sites mostram configurações basicas (aplicação de archives assincronos por exemplo) e ficam naquele velho esquema do copy/paste de outros sites/blogs ou até mesmo metalink.

Para implementar uma configuração de Data Guard consistente, é imprescindivel que sigas todos os pre-reqs e checklists possiveis.

Alem da documentação do produto e support notes , recomendo os papers abaixo (no caso do 10gR2):

1 – Redo Transport & Network Configuration

2 – Redo Apply & Media Recovery (physical standby)

3 – Switchover and Failover Best Practices

Minha configuração é um RAC primary com Standby Single, mas consegui resolver alguns “probleminhas” com o paper abaixo

* MAA 10g Setup Guide: Creating a RAC Physical Standby Database for a RAC Primary Database

Se quiseres um resumo sobre modos de proteção, podes olhar este post : Data Guard | Modos de Proteçao

April 16, 2010

ASM | The 2Tb Bug

Filed under: banco de dados — Tags: , , , , , , , — agleite @ 8:29 pm

Configurando ASM em um cliente me deparei com o seguinte erro:

ORA-15099: disk {name} is larger than maximum size of 2097152 MBs”
Depois de confirmar que estava tudo ok, com o pessoal do storage, consultei o metalink e pow bug 7243305.

O status do bug é : “Closed, Not a Bug” – no entanto a descrição aponta para outro bug : 6453944 (presente na 10.2.0.3,corrigido na 11.2)  e o unico texto visivel na nota é:

RELEASE NOTES: ORA-15196(ASM block corruption) occured, if larger than 2TB disk was part of a diskgroup
REDISCOVERY INFORMATION: If you added larger than 2TB size disk to a diskgroup and saw ORA-15196, then you hit this issue.
WORKAROUND: Not to add larger than 2 TB size disk to a diskgroup

Esse problema pode afetar qualquer plataforma, a minha é AIX 64bits.

Não fica claro o porque do limite de 2 terabytes.

O patch simplesmente não deixa voce adicionar discos maiores que 2Tb (referente as versões10.2.0.4 e 11.1.0.7).

No entanto se voce verificar que já tem diskgroups com LUN’s acima desse limite, voce deve se preparar para tomar ações para resolver este problema

Notas do Metalink relacionadas ao problema:

Metalink Doc ID: 370921.1: ASM – Scalability and Limits
Metalink Doc ID: 736891.1: ORA-15196 WITH ASM DISKS LARGER THAN 2TB

April 8, 2010

11g R2 | Para Windows 64 e 32 Bits

Filed under: banco de dados — Tags: , , — agleite @ 1:09 pm

Finalmente sai o Oracle 11g R2 para Windows (64 e 32 bits).
Depois de uma atraso de 8 meses em relação a versão para linux .

Segundo http://download.oracle.com/docs/cd/E11882_01/install.112/e10843/toc.htm as Versões Win Suportadas são :
* Windows Server 2003 – all editions
* Windows Server 2003 R2 – all editions
* Windows XP Professional
* Windows Vista – Business, Enterprise, and Ultimate editions
* Windows Server 2008 – Standard, Enterprise, Datacenter, Web, and Foundation editions. The Server Core option is not supported.
* Windows 7 – Professional, Enterprise, and Ultimate editions

Nada sobre Windows 2008 R2.
Para baixar :
http://www.oracle.com/technology/software/products/database/index.html
Dois arquivinhos de 1G cada

March 17, 2010

Oracle Rdbms Code e o RadioHead

Filed under: banco de dados — Tags: , , , — agleite @ 2:39 pm

Tava brincando com os binarios do oracle e me deparei com isso :
54080832:I’m a creep, I’m a winner, what the hell am I doing here.I don’t belong here – radiohead.

Pra ver a frase o comando é simples : strings oracle | grep radiohead. Teste em Solaris e no Windows.

Apesar da letra não está correta, mostra como alguns caras na oracle tem senso de humor.

Pelo que vi na web…tem alguma coisa a ver com ASM 🙂

March 4, 2010

Oracle | Metodos de Otimização

Filed under: banco de dados — Tags: , , — agleite @ 3:41 pm

Metodos de otimização Oracle através dos tempos.

– Pre-Historia (v5)

  • Debug code

– Idade Media (v6)

  • Counters/Ratios
  • BSTAT/ESTAT
  • SQL*Trace

– Renascença (v7)

  • Instrumentação através de eventos de espera (Wait Events)
  • Saimos de counters para timers
  • STATSPACK

– YAPP (8i) – Otimização de Instance através de estatisticas

  • Não intrusivo, sempre disponivel
  • Escopo Amplo

– Method R (9i) – Otimização de sessões utilizando 10046 SQL traces

  • Escopo Direcionado
  • Bem Seletivo

– DB Time Tuning (10g)

  • Diversos niveis de escopo
  • Infraestrutura pronta: Instrumentação, ASH, AWR, ADDM, EM

É isso, agora é só saber como utilizar estas ferramentas 🙂

February 12, 2010

Oracle Unbreakable ? | Falha de Segurança no 11g

Filed under: banco de dados — Tags: , , , , , , — agleite @ 12:34 pm

David Litchfield, achou vulnerabilidades de segurança no Oracle 11g, embora os testes que eles fez tenham sido na versão 11gR2, a falha também acontece no Oracle 11gR1.
O problema acontece devido a privilégios super generosos para as procedures java, permitindo que um usuario com apenas privilegio de create sesssion, possa se tornar um DBA, tendo assim total controle do banco.
Alem disso, este mesmo usuario pode, com um simples select executar comandos do sistema operacional, como por exemplo gerar um arquivo.txt.
Em casa fiz um teste e consegui t criar um usuario no sistema operacional e torna-lo membro do grupo administrator do windows. Terrivel não. ?
A Oracle não tem patch…nem se pronuciou quanto a falha. No entanto você pode fazer sua parte. Basta fazer o revoke do PUBLIC das seguintes packages:

revoke execute on DBMS_JVM_EXP_PERMS from public;
revoke execute on DBMS_JAVA from public;
revoke execute on DBMS_JAVA_TEST from  public;


November 8, 2009

Metalink | Read Only … Migrando

Filed under: banco de dados — Tags: , — agleite @ 10:19 pm

Disponibilidade 24×7 …sei 🙂

ORA-00372: file 28 cannot be modified at this time ORA-01110: data file 28: ‘/u01/app/oracle/admin/mlrepap/db/metalink_02.dbf’

October 5, 2009

Oracle | CertView

Filed under: banco de dados — Tags: , , , — agleite @ 5:57 pm

A Oracle esta disponibilizando o site do Oracle Certification Program o CertView,  neste site você pode :

* Revisar suas informações demográficas;
* Revisar seu histórico de certificações;
* Download dos logos ;
* Revisar o seu histórico de exames;
* Mandar suas certificações para consulta de terceiros  por demanda
* Rastrear o seu “success kit”

Precisa ter a conta de single sign-on  e se voce já tem um id Prometric, lembra de atualizar o seu perfil no PersonVue

Finalmente temos um lugar para acessar estas informações de forma fácil e rápida.

October 1, 2009

Oracle vs. SQL Server

Filed under: banco de dados — Tags: , , — agleite @ 2:32 pm

Um pouco de Humor

September 28, 2009

OFA – Optimal Flexible Architecture | 15 Anos

Filed under: banco de dados — Tags: , , , , — agleite @ 1:14 pm

Aniversário de 15 anos do padrão OFA. Para aqueles que não sabem : OFA é um conjunto de diretrizes de instalação para termos bancos Oracle mais confiáveis, mais rápidos e com menor custo de administração. Cary Millsap fez uma apresentação em 1991 na International Oracle User Week  do documento 513 . Este documento chamado  “Configuring a growing Oracle V6 database for optimal performance.”  é  o marco inicial do que viria a ser conhecido como OFA Standard.

Este documento esta disponivel no site da Method – R, bem aqui: OFA-STANDARD

Engraçado, é que este documento tomou corpo devido situações  digamos bem pitorescas. Por exemplo :

1- Administradores Unix que ficavam apagando arquivos Oracle. Em especial os arquivos das tablespaces temporarias, que imaginem, ficavam localizadas no /tmp.

2 – Sistemas muito lentos, por que a todos os arquivos Oracle estavam armazenados em uma única file system montada em um único disco no diretório $ORACLE_HOME/dbs. Muito embora este ambiente tivesse pelo menos 8 (oito) discos.

Tirando apenas por estes exemplos, tenho calafrios só pensar no que ele encontrava. Arquivos Oracle espalhados por todos os diretorios da maquina sem nenhuma referencia a que instance ou tablespace pertencia.

Fazendo este post me lembrei de um fato ocorrido nos nem tão longe dias do versão 7.3 . Todos voces sabem que em um determinado sistema operacional, há algumas pessoas  que associam a extensão .ora ao processador de texto, o notepad por exemplo.

Temos então o seguinte dialogo :

Pessoa – “Dba sabe aquele aquele arquivo do Oracle o users.ora ?”

Dba (tranquilo, sem imaginar o que vinha pela frente) – “Sei. O que tem ? ”

Pessoa – “Tava olhando ele aqui. Achei que tinha tabelas nele mas só estou vendo um monte de carinhas e simbolos esquisitos”

Dba (um pouco nervoso) – “Como assim tas olhando o users.ora. Olhando COMO ? ”

Pessoa (com um certo desdem) – “Olhando oras …tu usa aquela ferramenta esquista um tal de svr… mgrl – quaquer coisa, eu uso o Notepad”

DBA -…….

Pessoa : “Agora ve…to tentando sair salvando e não consigo..saio sem salvar mesmo ?”

Vou omitir o resto da conversa, por respeito a Bill.

Portanto parabéns OFA e um muito obrigado  ao Sr. Cary Millsap !

« Newer PostsOlder Posts »

Blog at WordPress.com.